4.8.08

S. João Maria Vianney


Conta-se que, ao aproximar-se a sua ordenação, o Vigário Geral de Lyon, reunido com alguns padres, ponderaram a inconveniência em conceder a S. João Maria Vianney o sacramento da Ordem, porque “era muito burro”, conforme comentaram entre si num momento de reunião, não com maldade, mas com a sinceridade de quem estava convencido da incapacidade intelectual de quem iria assumir tão elevado cargo.

Nesse momento, João Baptista estava a chegar e ouviu ainda, na ante-sala o constrangedor comentário. Aguardou a saída dos padres, e foi ter com o Vigário. Antes de iniciar a conversa, o Santo pediu licença para falar e disse: “Padre, se com uma fisga feita da mandíbula de um burro, David conseguiu derrubar Golias, imagine o que o Senhor poderá fazer tendo nas mãos um burro inteiro!”

Estas palavras foram suficientes para revogar a intenção do vigário que, logo de seguida, o enviaria para a comunidade de Ars.

“Por onde passam os Santos, Deus com eles passa”.

Biografia de S. João Maria Vianney