4.10.06

Sequestro de avião não foi protesto contra a visita do Santo Padre à Turquia

As autoridades civis italianas desmentiram que o avião turco que ontem foi desviado para Itália tivesse sido sequestrado para protestar contra a visita do Santo Padre à Turquia.

Esta versão foi posta a circular por Candan Karlitekin, Presidente da Direcção da Turkish Airlines e foi reproduzida por muitos meios de comunicação nacionais e internacionais. No entanto, Candan Karlitekin não teve nenhum contacto com o sequestrador nem com a tripulação do avião sequestrado.

O avião foi sequestrado por uma única pessoa, Hakan Ekinci, que afirma ser católico. Em Agosto passado, tinha escrito uma carta ao Santo Padre a pedir ajuda, pois queria evitar o serviço militar na Turquia.

Créditos:
Aciprensa
Repubblica