27.8.06

Living in Eigg

Hoje de manhã, o Fr. Steven presidiu à Santa Missa dominical, em inglês. Além dos portugueses, estavam presentes vários dos habitantes da ilha. A última vez que tinha sido celebrada a Santa Missa aqui na ilha tinha sido no passado mês de Junho. O sacerdote que costuma vir aqui celebrar a Santa Missa é o pároco de duas paróquias que ficam à beira mar, na zona continental da Escócia e só consegue vir aqui uma vez por mês.

A ilha tem, no total, 85 habitantes. Ontem, depois de termos chegado e de nos termos instalado, fomos jantar ao Community hall. Depois do jantar, tivemos um encontro para programar o trabalho nos próximos dias. O jantar foi feito pela Mary e pela Peggy, duas senhoras já de uma certa idade que se têm esforçado para que nada nos falte. Nesse encontro, a Mary contou-nos que a ilha não é propriedade do Estado Escocês, mas sim de uma empresa: a Eigg Trust Association. Todos os actuais habitantes de Eigg que têm mais do que 18 anos têm acções nesta empresa. Ou seja, na prática, estes habitantes compraram esta ilha ao governo escocês por um milhão e meio de libras há alguns anos atrás e são eles que gerem o património e a vida da ilha.

Depois da Santa Missa de hoje de manhã, começou o trabalho de reconstrução da Igreja. Hoje começaram a ser feitos os arranjos interiores, para preparar a pintura da capela mor e da sacristia, ambas bastante danificadas.

Também é necessário fazer um sistema de drenagem da água, pois a zona envolvente da Igreja está bastante pantanosa. E, por fim, é necessário pintar todo o exterior. Esperemos que o tempo o permita.

Hoje o dia começou com chuva. O sol acabou por aparecer e, ao final da tarde, tivemos novamente chuva. Mesmo assim, houve uns voluntários que foram experimentar a água do mar, pois perto da Igreja há uma baía lindíssima, com uma areia muito fina que convida a um mergulho.